Slide

Melhores filmes de "Sessão da tarde" #1

9 de dezembro de 2017 4 comentários :

Olá pandinhas. Tudo bem com vocês? Depois de bastante tempo sumida (por conta das bagunças e preguiças da vida terrena que temos) eu estou de volta! AWEEEEE!

Hoje trago pra vocês uma lista deliciosa com 5 filmes de sessão da tarde que são queridos por todo mundo! Sabe aquele tipo de filme que você assiste váááááárias vezes e não enjoa? Então! Resolvi listar os meus favoritos e trazer para vocês que ainda não assistiram (acho meio difícil mas, né? haha) conhecerem.

Mas agora chega de blá blá blá e vamos pra lista ♥:

1- Legalmente Loira



Sinopse:


Elle Woods (Reese Whiterspoon) é uma garota que tem tudo que possa querer. Ela é a presidente da fraternidade de onde estuda, Miss Junho no calendário do campus e, além disso, uma loira natural. Elle ainda namora o mais bonito garoto de seu colégio, Warner Huntington III (Matthew Davis), com quem inclusive planeja se casar no futuro. Mas Elle tem um problema que incomoda Warner: ela é fútil demais! Até que, quando Warner vai estudar Direito na Universidade de Harvard, ele passa a namorar uma nova garota (Selma Blair) e decide largar Elle, que não se dá por vencida e decide estudar a fim de também passar para o curso de Direito e ainda por cima provar sua inteligência.

2- A filha do Presidente



Sinopse:


Uma caloura de uma universidade da Califórnia, Samantha MacKenzie (Katie Holmes), gostaria de ser tratada como qualquer pessoa, mas um "pequeno" detalhe faz a diferença: seu pai é o presidente dos Estados Unidos. Fica difícil ela ser uma pessoa comum, inclusive quando ela vai para a faculdade, pois mesmo lá a segurança a segue para todos os lugares. Sam consegue driblar o esquema encarregado de protegê-la graças a James Lansome (Marc Blucas), que a faz experimentar coisas comuns que ela desconhecia.

3- Paixão de Aluguel



Sinopse:


Holly (Hilary Duff) está cansada de se mudar toda vez que a sua mãe, Jean Hamilton (Heather Locklear), termina com um novo namorado. Para aumentar a autoestima da mãe, a jovem decide inventar um admirador secreto, mas logo o seu plano começa a sair do controle...

4- Pra sempre Cinderela



Sinopse:


A rainha da França solicita a presença dos Irmãos Grimm no palácio e lhes conta que gosta muito da obra deles, mas que ficou espantada em como foi contada a história de Gata Borralheira. Assim, decide lhes narrar o que realmente aconteceu na França do século XVI, quando Danielle de Barbarac (Drew Barrymore), sua tataravó, que ficou feliz aos oitos anos quando seu pai (Jeroen Krabbé), um aristocrata viúvo, se casou novamente com uma baronesa (Anjelica Huston), pois assim ela ganhou uma mãe e duas irmãs no mesmo dia. Mas a sonhada felicidade durou muito pouco, pois logo depois seu amado pai morreu subitamente e a madrasta, que ela desejava que fosse a mãe que nunca tivera, passa a tratá-la como uma criada. Uma das filhas da baronesa é bondosa e não concorda com várias atitudes da mãe, mas por outro lado a outra filha é bastante egoísta e só pensa em se casar com o príncipe herdeiro (Dougray Scott). Para isto ela tem total apoio da mãe, que está disposta a conspirar, mentir e fazer o necessário para ver sua filha como a futura rainha. Mas ela precisa agir rápido, pois o príncipe conheceu Danielle e os dois estão apaixonados, com os sonhos de grandeza da baronesa podendo serem frustrados, pois sua enteada e o príncipe estão sendo aconselhados por ninguém menos que Leonardo da Vinci (Patrick Godfrey).

5- Meninas Malvadas



Sinopse:


Cady Heron (Lindsay Lohan) é uma garota que cresceu na África e sempre estudou em casa, nunca tendo ido a uma escola. Após retornar aos Estados Unidos com seus pais, ela se prepara para iniciar sua vida de estudante, se matriculando em uma escola pública. Logo Cady percebe como a língua venenosa de suas novas colegas pode prejudicar sua vida e, para piorar ainda mais sua situação, Cady se apaixona pelo garoto errado.


E aí? O que acharam desse Top 5 filmes sessão da tarde? Eu adoro todos esses filmes e alguns deles eu nunca tinha assistido do começo, acreditam? A boa notícia é que todos eles estão disponíveis na Netflix (não sei até quando, mas até a data em que esse post foi ao ar estão haha). 

Então, chama as amigas, faz uma pipoquinha e faça sua sessão de cinema em casa! Um beijo do Panda e até o próximo post ♥.

Doar as minhas coisas?

25 de maio de 2017 6 comentários :

Olá pandinhas. Tudo bem com vocês? Estava arrumando o meu guarda-roupa essa semana e pensando em como eu sempre doei as roupas que não me serviam mais.

Quando eu digo "roupas que não me servem" não quero dizer aquelas roupas velhas e rasgadas, que nem servem de pano de chão, eu digo roupas conservadas que não visto mais, ou que não gosto tanto quanto quando comprei, ou aquelas que infelizmente não cabem mais em mim.

É engraçado porque eu não tenho ressentimento quanto a isso: se não visto ou se não cabe mais, a peça pode ser novinha em folha, eu doo. Não tenho essa mania de ficar com o guarda-roupa cheio de coisas que não me servem, sabe?

Conheço e vejo muitos casos de pessoas que são totalmente presas aos seus bens. Que tem o guarda-roupa cheio mas usa apenas um ou dois pares de roupas e se recusa a doar o resto. Sempre fico me perguntando o porquê disso...

Tem tanta gente por aí precisando de roupas, pessoas que passam frio ou que não tem condições de comprar peças para si ou para seus filhos, e tanta gente com peças e peças de roupas mofando no armário. Por que?!

Eu sinceramente não consigo entender. Quando foi que nós nos tornamos tão frios e paramos de perceber e simpatizar com as necessidades do outro? Será que aquele casaco que não usamos há 3 invernos não pode ser doado para esquentar alguém nesse inverno que se aproxima?

Minha mãe sempre me dizia: "Camilla, a gente precisa doar as roupas velhas para dar lugar pras roupas novas" e eu sempre vi isso de uma maneira positiva, desde pequena.

Então que tal fazermos uma faxina no nosso guarda-roupa? Vamos separar todas as peças que nós não usamos e que estão em bom estado e doar para alguém. Seja famílias carentes, seja instituições, ongs, ou campanhas do agasalho, essa peça parada no seu armário pode aquecer o corpo e o coração de alguém nesse inverno que já tá aí, batendo na porta.

Vamos ser menos presos às coisas materiais, isso tudo passa e nada do que está aqui irá ser levado conosco. Vamos tentar contribuir para que a nossa existência e a de outras pessoas possa ser melhor.

Doe. Roupas, sapatos, cobertores, móveis, não importa o que, te garanto que não vai te fazer falta mas pode salvar o dia de alguém que precisa.

E se não tiver ou poder doar bens, doe amor. O mundo precisa disso.

Beijo do Panda e até o próximo post. :)

Bullet Journal - O que é?

2 de maio de 2017 2 comentários :

Olá pandinhas. Tudo bem com vocês? Como vocês já sabem, eu tenho uma série de posts aqui no blog chamada Meu Bullet que é própria para falar sobre bullet journal (minha mais nova paixão haha). Mas até então, nunca tinha tirado um tempo para criar um post para explicar exatamente como funciona esse sistema, então, mesmo depois de já ter feito alguns posts sobre o tema, resolvi trazer essa explicação mais detalhada para vocês. 

Vamos descobrir o que é esse tal de Bullet Journal que todo mundo fala?! hahahaha!

A primeira coisa a saber é que o Bullet Journal é um método de organização. O maior objetivo desse método é que sua organização seja rápida, simples e efetiva para que você possa registrar o passado, organizar o presente e planejar o futuro.

Mas qual é o diferencial desse método?


Simples. O maior diferencial do sistema de Bullet Journal é que ele é completamente personalizável, ou seja, você pode moldá-lo de acordo com as SUAS necessidades, você que cria página por página de acordo com o que você precisa.

Se você precisa de um calendário, se precisa organizar suas semanas e dias, compromissos, tarefas, planejamento alimentar... você pode! Pode por absolutamente tudo que você quiser, e se não gostar de como fez, simplesmente mudar na semana seguinte.

E do que eu preciso para ter um Bullet?


Um caderno e uma caneta. É sério! Se você já ouviu falar de Bullet Journal por aí, com certeza viu pessoas com 1001 canetas, e fitas, e coisas, mas o imprescindível para ter um Bujo (como são carinhosamente chamados) é um caderno e uma caneta.

Claro que nós, amantes de papelaria, não resistimos e compramos várias coisinhas para decorar nosso bujo, mas isso é completamente opcional.

Letterings, desenhos e firulas também são opcionais, então nada de desespero se você não consegue fazer, não precisa. Como já disse, o Bullet se molda às suas necessidades, então você só faz o que realmente quer ou precisa.

O sistema de chaves (bullets ou keys)


Agora é a hora de entender como a coisa toda funciona. O site oficial do Bullet Journal (todo em inglês) traz vários exemplos e o passo a passo de como montar o bujo desde o começo, mas caso você não manje muito de inglês vou simplificar aqui pra você.

Os bullets (ou keys, ou ainda chaves) são alguns códigos que você vai definir para te ajudar na organização das suas tarefas e compromissos. Os que o site traz são assim:

• = tarefas para fazer
x = tarefa completa
> = tarefa migrada
< = tarefa programada
O = eventos
- = notas, fatos, ideias e afins
* = prioridades
! = inspiração
👁 = explorar, descobrir, pesquisar (representado por um olho)

com essas "chaves" você consegue organizar as coisas a fazer. Mas, mais uma vez, o sistema se adapta a você, então caso queira mudar as chaves, fique a vontade para fazer de acordo com as suas necessidades. Por exemplo, essas são as chaves que eu uso no meu bujo, são inspiradas nas originais, mas moldadas para suprir o que eu preciso para me organizar:


Módulos


Após definir as chaves, você irá criar os módulos. O site oficial te mostra como fazer,  que é da seguinte forma:

Index - Sumário


O index é o sumário do seu bullet e você vai reservar algumas páginas do começo do seu caderno pra ele, caso você queira usá-lo. No meu caso eu não uso, vai da sua preferência mesmo, sabe?

Funciona da seguinte forma: você numera todas as páginas e a cada titulo que você adicionar você coloca ele + a página correspondente, bem como um sumário normal mesmo.


Future Log - Registro futuro


Aqui você vai colocar os 12 meses do ano e marcar as datas de coisas futuras que você tem certeza que vai acontecer. Por exemplo: casamento de alguém, aniversários, formatura, etc.

Existem mil e uma formas de montar o seu future log, essa é uma delas:


Monthly Log - Registro Mensal


No registro mensal você vai planejar seu mês, coisas que você não tem tanta certeza assim da data pra por no registro futuro, atividades que você pretende fazer em determinado dia, compromissos... É uma visão geral do seu mês.


Você vai precisar disso para o próximo módulo que é:

Daily Log - Registro diário


Basicamente é como aquelas agendas que a gente compra sabe? Tem cada dia numa página e nessa página você organiza as tarefas e compromissos. Com a ajuda do seu registro mensal, você vai transferir seus compromissos e atividades para o dia em questão.

Mas se assim como eu você não tem tantas coisas a fazer, você pode fazer uma organização semanal ao invés da diária, que fica assim ó:


Eu particularmente prefiro essa versão que me permite visualizar a semana inteira, facilita na hora de me organizar.

Como eu venho dizendo desde o começo, nada disso é obrigatório e muito menos tem que ser feito desse jeito. Adapte tudo isso de uma maneira que funcione para você, que te ajude a se organizar, que descomplique ao invés de complicar. Pode parecer meio complicado no começo mas com o tempo você pega o jeito rapidinho haha! E vou logo avisando, vira um vício gigante!

Caso queira encontrar algumas inspirações de páginas, tirar dúvidas ou quem sabe bater papo haha você pode me procurar lá no Instagram: @meubullet.

Se ainda ficou com dúvida de como fazer isso tudo, recomendo esse vídeo e esse grupo. O vídeo é do próprio criador do sistema explicando como fazer e o grupo é para nós brasileiros tirarmos dúvidas e compartilharmos experiências sobre Bullet Journal.


Então meus pandinhas, basicamente é isso! Em um próximo post irei falar um pouco sobre as coleções que são aquelas páginas onde anotamos coisas como filmes que vimos, livros que lemos e afins. Então fica ligado(a) por aqui, ok? Um beijo do Panda e até.

Dica de App | Desafio 30 dias Fitness

11 de abril de 2017 4 comentários :

Olá pandinhas! Tudo bem com vocês? O post de hoje é uma dica quentíssima para quem colocou nas metas de início de ano que iria ser fitness, fazer exercícios, mas até agora nada. As desculpas são as mais variadas: "não tenho tempo pra ir pra academia", "a grana tá curta, é a crise", etc e etc mas nesse post eu tenho a solução para todas as desculpas: um aplicativo chamado Desafio 30 dias Fitness.

Sabemos o quanto é importante para nossa saúde fazermos exercícios, como por exemplo a caminhada, que nos traz inúmeros benefícios. Mas nem sempre temos tempo pra sair e caminhar né? Então, é aí que o app entra.

Ícone do App
"Exercícios em casa, ideais para qualquer um e a qualquer hora. Projetado por instrutores físicos profissionais, o Desafio de 30 dias para condicionamento físico ajuda cientificamente a melhorar a sua saúde e boa-forma. Acompanhe o seu progresso, e você verá resultados surpreendentes."

Eu achei o aplicativo muito completo, pois ele te explica exatamente como realizar o exercício e durante a execução mostra um gif na tela, pra não restar dúvidas da maneira correta de fazer.


Além disso tem um comando de voz que te indica a hora de descansar, de mudar o exercício, e quando você finaliza, o que facilita (e muito) o processo.

Os exercícios estão divididos em nível iniciante, intermediário e avançado, cada um conta com uma opção que possui exercícios para o corpo inteiro ou exercícios específicos pra cada parte do corpo (abdômen, nádega, braços e pernas), assim caso você queira focar em alguma parte específica também é possível.

 

A maneira como você acompanha seu progresso é muito legal porque mostra a porcentagem do seu avanço, te parabeniza sempre que você conclui um dia de exercício e também exibe uma notificação no seu celular te lembrando que é hora de fazer os exercícios do dia.


Fora a parte dos exercícios em si, tem um espaço para você anotar seu peso (e ver um gráfico mostrando os ganhos e perdas) e sua altura, calculando seu imc e exibindo na tela se você está com um peso considerado saudável, com sobrepeso, ou magro demais.


Estou usando o app a pouco tempo mas gostei muito da maneira como ele aborda os exercícios, mostra os dados e parabeniza por cada dia terminado. Começar a fazer exercício é uma coisa complicada e essas coisas divertidinhas ajudam a ter ânimo e motivação para começar e ir até o fim.

Caso queiram baixar o app vou deixar o link dele na google Play e o link dele também na loja da Apple. Nas duas plataformas o app é gratuito e eu super recomendo. 

Espero que tenham gostado da dica e vamos ver se conseguimos ser pandinhas fitness hahaha ♥. Um beijo do panda e até o próximo post.

Canetas BBB para Bullet Journal

4 de abril de 2017 2 comentários :

Olá pandinhas. Tudo bem com vocês? O post de hoje é o quarto da série Meu Bullet que é uma das que eu mais adoro aqui no blog. Dessa vez resolvi trazer uma mini resenha de alguns produtíneos BBB (bons, bonitos e baratos) que comprei para criar coisas no meu Bujo.

Os produtos que comprei foram dois marca texto Grifpen da Faber-Castell e um kit de Canetas Gel Grip da Molin. Vejam a foto deles na embalagem:

A embalagem do marca texto roxo é similar, então fotografei apenas a rosa.

Comprei todos eles na Kalunga, os marca texto custaram R$2,30 cada e o kit de canetas gel custou R$14,50 totalizando R$19,10.

Marca Texto Grifpen


A Faber-Castell pra mim é uma marca referência quando se trata de lápis de cor, mas nunca tinha testado seus marcadores. Na embalagem eles prometem cores superfluorescentes, tinta resistente à luz e ponta chanfrada para sublinhar e marcar, além de prometer também que eles escrevem 2x mais em comparação com o modelo anterior.


Eu achei eles super bonitos, são muito ergonômicos (gostosos de segurar) e ficam lindos no estojo. Quanto à escrita, eu gostei bastante, mas não acho que as cores sejam "super fluorescentes". Mais pra frente no pen test eu mostro a vocês. Mas esse fato não me incomodou não, pelo contrário, eu amei as cores de ambos e com relação a custo benefício indicaria pra Deus e o mundo hahaha!

Kit Caneta Gel Grip


Eu canso de ver nos instas da vida várias meninas usando aquelas canetas gel da Muji (meu sonho de consumo hahaha) mas pesquisando, achei o preço delas meio salgado, sem contar que como sou super ansiosa não sei se teria paciência pra esperar a encomenda chegar. Então fui em busca de uma alternativa BBB pro meu problema.

Passeando pelos corredores (maravilhosos) da Kalunga, encontrei esse kit dando sopa e acabei comprando. Nele vem 3 canetas gel nas cores vermelho, azul e preto e uma caneta esferográfica azul.

Canetas gel

Na embalagem o que a Molin promete é que as canetas gel têm ponta de 0,7mm e tinta resistente à água. Confesso que a qualidade me surpreendeu. Elas são super gostosas de escrever, tem a ponta super fininha e não borram por nada nesse mundo! Sério mesmo!

detalhes da ponta e informações que vem coladas na caneta
Fora todos esses benefícios, ela vem com esse emborrachado no lugar que a gente pega, que faz a escrita ficar ainda mais confortável.

Além do kit de gel, "ganhamos" uma caneta esferográfica de brinde. Ela é uma caneta esferográfica comum, mas eu achei ela muito gostosa de escrever também. A ponta é relativamente fina, a cor é bem viva, eu gostei bastante.

Perdoem a montagem tosca hahaha, mas quis colocar a caneta e os detalhes na mesma imagem

Se formos fazer a conta desse kit com 4 canetas por R$14,50 cada caneta sairia por mais ou menos R$3,60. Eu particularmente acho um preço bem ok, porque as gel valem muito a pena, muito mesmo. O fato delas terem tinta resistente à água fez elas ganharem o meu coração, porque não tem nada pior do que escrever, desenhar, ficar a coisa mais linda e depois passar a mão suada ou cair uma gotinha de água e ficar tudo zoado.

Agora, por último mas não menos importante, o pen test:

Foto sem filtro e sem edição pra não distorcer as cores ♥
E então pandinhas? O que vocês acharam das sugestões? Já conheciam esses produtos? Eu estou amando eles e se vocês quiserem ver em que eu estou usando segue o insta do meu bujo, posto bastante coisa legal e inspiradora por lá. O user é: @meubullet. Um beijo do Panda e até ♥.

Texto | Outros tipos de diversão...

27 de março de 2017 2 comentários :

Não sou dessas garotas que só se divertem se saírem de casa no fim de semana. Que vão pras festas, pros "rolês" com os amigos, que postam foto nas redes sociais com um copo de cerveja do lado. Nada contra quem curte e só consegue se divertir assim, mas diversão pra mim vai muito além desse tipo de farra (que especificamente no meu caso, não me diverte em nada).

Diversão pra mim é ir assistir um filme no cinema com alguém especial, sair de lá falando sobre o filme e ficar nessa discussão por horas. Diversão pra mim é assistir o filme em casa mesmo se a grana tiver curta, que mal faz? Diversão pra mim é ir pra cozinha e passar horas inventando um prato novo e no fim comer e pensar "essa foi a melhor comida que eu já fiz!". Diversão pra mim é estar com a minha família e conversar sobre bobagens cotidianas, sobre a fulana que fez isso ou o filho da ciclana que está assim. Diversão pra mim é sair pra comer gordice naquele trailer fabuloso perto de casa e conversar muuuuuito enquanto o lanche não chega. Diversão pra mim é passar horas ouvindo músicas velhas que não ouço faz séculos... diversão pra mim!

Me divirto indo tomar sorvete num domingo quente, mas pode muito bem ser uma sexta quente, uma quarta, ou qualquer outro dia da semana. Me divirto desenhando e pintando como uma criança, sem compromisso se aquele desenho é o mais lindo ou o mais horrível. Me divirto lendo a minha história favorita ou qualquer outra história boa o suficiente pra prender minha atenção. Me divirto olhando pela janela do ônibus quando volto pra casa, me imaginando em um videoclipe super famoso, e me divirto mais ainda quando ele para bruscamente e me joga lá pra frente, e rio muito disso.

Diversão não se resume apenas em sair e beber até cair, em pegar vários gatinhos na festa, ou sair por ai sem rumo. As vezes a diversão pode estar nas coisas mais simples, resta a nós sabermos olhar com outros olhos para essas pequenas coisas que nos acontecem todos os dias e tirar delas o máximo que pudermos.

Mas, no fim, não importa a maneira que você prefere se divertir, o mais importante sempre vai ser: divirta-se!


DiCaprio e seus melhores filmes

15 de março de 2017 Nenhum comentário :

Olá pandinhas. Tudo bem com vocês? Hoje começa uma série nova de posts aqui no blog e eu tô super animada! Mais ou menos uma vez por mês teremos um post como esse que traz um ator e uma listinha com seus melhores filmes (na minha humilde opinião).

E para inaugurar essa série de posts o ator escolhido foi o Leonardo DiCaprio. Mas antes da lista com seus melhores filmes vamos conhecer um pouco da sua história?

Leonardo Wilhelm DiCaprio nasceu em Los Angeles no dia 11 de novembro de 1974. O início da sua carreira, ainda quando criança, foi com comerciais de TV e desde então ele não parou, sendo reconhecido pela participação em vários filmes famosos (inclusive os que vou citar aqui).

DiCaprio fez vários pequenos trabalhos nesse intervalo de tempo, porém, foi em 1997 que ganhou a fama internacional com o filme Titanic, vencedor de 11 Óscares da Academia de Artes e Ciências Cinematográficas dos Estados Unidos.

Além do lado de ator ele também age como filantropo, se dedicando a causas relacionadas ao meio ambiente e fazendo doações para vítimas de grandes tragédias. 

Melhores filmes



Sem sobra de dúvidas DiCaprio é um ótimo ator (muito me admira que tenha apenas um Oscar, ganho com muita torcida, inclusive hahaha) e sua lista de filmes é enorme. Dentre esses, escolhi os 4 melhores filmes, cada um com sua particularidade, mas todos muito bons.

1- Titanic



Sinopse:


Jack Dawson (Leonardo DiCaprio) é um jovem aventureiro que, na mesa de jogo, ganha uma passagem para a primeira viagem do transatlântico Titanic. Trata-se de um luxuoso e imponente navio, anunciado na época como inafundável, que parte para os Estados Unidos. Nele está também Rose DeWitt Bukater (Kate Winslet), a jovem noiva de Caledon Hockley (Billy Zane). Rose está descontente com sua vida, já que sente-se sufocada pelos costumes da elite e não ama Caledon. Entretanto, ela precisa se casar com ele para manter o bom nome da família, que está falida. Um dia, desesperada, Rose ameaça se atirar do Titanic, mas Jack consegue demovê-la da ideia. Pelo ato ele é convidado a jantar na primeira classe, onde começa a se tornar mais próximo de Rose. Logo eles se apaixonam, despertando a fúria de Caledon. A situação fica ainda mais complicada quando o Titanic se choca com um iceberg, provocando algo que ninguém imaginava ser possível: o naufrágio do navio.


Titanic é um filme que dispensa grandes apresentações, acredito que todos já devem ter assistido, mas se você ainda não viu, recomendo!

2- Django Livre



Sinopse:


Django (Jamie Foxx) é um escravo liberto cujo passado brutal com seus antigos proprietários leva-o ao encontro do caçador de recompensas alemão Dr. King Schultz (Christoph Waltz). Schultz está em busca dos irmãos assassinos Brittle, e somente Django pode levá-lo a eles. O pouco ortodoxo Schultz compra Django com a promessa de libertá-lo quando tiver capturado os irmãos Brittle, vivos ou mortos.

Ao realizar seu plano, Schultz libera Django, embora os dois homens decidam continuar juntos. Desta vez, Schultz busca os criminosos mais perigosos do sul dos Estados Unidos com a ajuda de Django. Dotado de um notável talento de caçador, Django tem como objetivo principal encontrar e resgatar Broomhilda (Kerry Washington), sua esposa, que ele não vê desde que ela foi adquirida por outros proprietários, há muitos anos.

A busca de Django e Schultz leva-os a Calvin Candie (Leonardo DiCaprio), o dono de "Candyland", uma plantação famosa pelo treinador Ace Woody, que treina os escravos locais para a luta. Ao explorarem o local com identidades falsas, Django e Schultz chamam a atenção de Stephen (Samuel L. Jackson), o escravo de confiança de Candie. Os movimentos dos dois começam a ser traçados, e logo uma perigosa organização fecha o cerco em torno de ambos. Para Django e Schultz conseguirem escapar com Broomhilda, eles terão que escolher entre independência e solidariedade, sacrifício e sobrevivência.


Nesse filme, DiCaprio não é o ator principal, mas sua atuação é digna desse filme entrar na lista dos melhores que ele já fez. Por que eu digo isso? Simplesmente porque em uma das cenas do filme, ao bater em uma mesa de vidro, ele acaba se cortando. Qual foi a reação dele? Continuou normalmente, como se nada tivesse acontecido.

"O sangue gotejava da mão dele [Leonardo DiCaprio], mas ele continuou mesmo assim. Foi tudo muito intenso, depois ele precisou levar alguns pontos", foi o que disse a produtora a respeito dessa cena.

3- O Grande Gatsby



Sinopse:


Nick Carraway (Tobey Maguire) tinha um grande fascínio por seu vizinho, o misterioso Jay Gatsby (Leonardo DiCaprio). Após ser convidado pelo milionário para uma festa incrível, o relacionamento de ambos torna-se uma forte amizade. Quando Nick descobre que seu amigo tem uma antiga paixão por sua prima Daisy Buchanan (Carey Mulligan), ele resolve reaproximar os dois, esquecendo o fato dela ser casada com seu velho amigo dos tempos de faculdade, o também endinheirado Tom Buchanan (Joel Edgerton). Agora, o conflito está armado e as consequências serão trágicas.


Esse filme é completamente surpreendente. Você fica boquiaberto com o final. Recomendo super!

4- Ilha do Medo 



Sinopse:


1954. Teddy Daniels (Leonardo DiCaprio) investiga o desaparecimento de um paciente no Shutter Island Ashecliffe Hospital, em Boston. No local, ele descobre que os médicos realizam experiências radicais com os pacientes, envolvendo métodos ilegais e anti-éticos. Teddy tenta buscar mais informações, mas enfrenta a resistência dos médicos em lhe fornecer os arquivos que possam permitir que o caso seja aberto. Quando um furacão deixa a ilha sem comunicação, diversos prisioneiros conseguem escapar e tornam a situação ainda mais perigosa.


Mais um filme com um final surpreendente. Chega até a ser meio confuso se você não prestar atenção nos detalhes. Um grande filme de suspense.



E aí pandinhas? O que vocês acharam? Preparados para a sessão de cinema em casa? Caso assistam ou já tenham assistido algum deles (até Titanic, que sei que todos já viram hahaha) me contem aqui nos comentários o que vocês acharam. Um beijo do Panda e até ♥.



Texto | Eu acredito no amor...

14 de março de 2017 Nenhum comentário :

Não importa o que digam, eu sempre vou acreditar no amor romântico. Sempre vou acreditar naquele amor que só se vive uma vez na vida, que dura intensamente e eternamente dentro de cada momento.

Acredito que pessoas podem se amar assim como vemos nos filmes mais clichês, que podem superar diversidades juntas, crescer juntas, e juntas transformarem sua realidade. Não que sejamos perfeitos, românticos em tempo integral, que não há brigas, discussões, mas o que são essas coisas perto de um sentimento tão lindo e puro como o amor? O amor, quando recíproco e fruto de uma relação de respeito mútuo, tudo suporta!

E acredito que sabemos reconhecer quando um amor como esse bate na nossa porta. É uma oportunidade única e que talvez a vida não nos dê duas vezes. É o amor de alguém que te respeita, que cuida de você como se você fosse o bem mais precioso de todo o universo, que fica mal se você está mal e bem quando você está bem, que irradia seu dia de felicidade só com um sorriso bobo por algo que você fez.

Não acredito que a convivência possa diminuir o tamanho do sentimento de alguém. Na convivência é que realmente conhecemos uma pessoa e se ela for realmente o seu amor, você vai aprender a amar cada um dos defeitos que você deveria odiar mortalmente, e que talvez até odeie um pouquinho, mas suporta feliz por saber que aquela pessoa também suporta os seus. E vocês são felizes assim! Quem são as outras pessoas para julgarem ou se intrometerem?

Ainda acredito no amor que nasce não se sabe onde, que se vive todos os dias, que é demonstrado nos mais singelos gestos de carinho e proteção, que nos motiva, que dura eternamente. Ainda acredito que o amor é capaz de tudo, e que quem ama não precisa de mais nada no mundo. O amor é o alimento que sacia a fome do coração, não há na vida nada pior que a solidão, o ódio, a tristeza, e foi o amor que veio pra curar todas essas dores.

O amor é real! Eu acredito no amor!

Love is reason! Love is reason enough! ♥


Músicas antigas mas que ainda são atuais

13 de março de 2017 2 comentários :

Olá pandinhas. Tudo bem com vocês? Estava pensando nos últimos dias e existem muitas músicas consideradas antigas mas que ainda são atuais ao denunciar os problemas que enfrentamos aqui no nosso país (e que pelo visto não são novidade, né?).

Refletindo nisso, resolvi trazê-las para vocês com uma reflexão.

Legião Urbana - Que país é esse?


A letra da música fala sobre toda a sujeira que nós estamos carecas de saber que existe no nosso meio político, da falta de respeito de todos com a nossa constituição, e do quanto os brasileiros acreditam no futuro da nação mesmo fechando os olhos para todas essas coisas ruins que acontecem.

Nas favelas, no senado
Sujeira pra todo lado
Ninguém respeita a constituição
Mas todos acreditam no futuro da nação

Que país é esse?
Que país é esse?
Que país é esse?

No Amazonas, no Araguaia, na Baixada fluminense
No Mato grosso, Minas Gerais e no Nordeste tudo em paz
Na morte eu descanso mas o sangue anda solto
Manchando os papéis, documentos fiéis
Ao descanso do patrão

Que país é esse?
Que país é esse?
Que país é esse?
Que país é esse?

Terceiro Mundo se for
Piada no exterior
Mas o Brasil vai ficar rico
Vamos faturar um milhão
Quando vendermos todas as almas
Dos nossos índios num leilão.

Que país é esse?
Que país é esse?
Que país é esse?
Que país é esse?


Pode parecer uma música feita nos dias de hoje né? Pois é! Mas ela foi lançada em 1987.

Edson Gomes - Criminalidade


Essa música é muito atual, muito mesmo! A letra trata de coisas que hoje são cotidianas, toda a violência que vivemos, a corrupção da polícia, o fato de cada vez mais nos trancarmos dentro das nossas casas, colocando grades e evitando sair por medo do que pode acontecer.

É tanta violência na cidade
Brother, é tanta criminalidade
É tanta violência na cidade
Brother, é tanta criminalidade

As pessoas se trancam em suas casas
Pois não há segurança nas vias públicas
E nem mesmo a polícia pode impedir
Às vezes a polícia entra no jogo

A gente precisa de um super-homem
Que faça mudança imediata
Pois nem mesmo a polícia pode destruir
Certas manobras organizadas
Ah! Ah! Ah!

É tanta violência na cidade
Brother, é tanta criminalidade
É tanta violência na cidade
Brother, é tanta criminalidade

A lua não é mais dos namorados
Os velhos já não curtem mais as praças
E quem se aventura pode ser a última
E quem se habilita pode ser o fim

A gente precisa de um super-homem
Que faça mudança imediata
Pois nem mesmo a polícia pode destruir
Certas manobras organizadas
Ah! Ah! Ah!

Não!
Tudo um dia vai passar
Sei que tudo um dia vai mudar
Ah! Ah! Ah!
Ê!

E mais uma vez a música é bem antiga, foi lançada em 1991. Edson Gomes é um cantor que trata muito de temas sociais em suas músicas sempre fazendo várias críticas nas letras, como no exemplo acima.

É tremendamente triste ver que desde aquela época a situação já era essa: onde os velhinhos não podem mais ter paz nas praças e os namorados não podem sair tranquilos para admirar a lua juntos.

Cazuza - O tempo não para


O tempo não para tem uma crítica mais sutil que as músicas acima mas também merece entrar nessa lista, principalmente por conta do trecho em destaque:

Disparo contra o sol
Sou forte, sou por acaso
Minha metralhadora cheia de mágoas
Eu sou o cara
Cansado de correr
Na direção contrária
Sem pódio de chegada ou beijo de namorada
Eu sou mais um cara

Mas se você achar
Que eu tô derrotado
Saiba que ainda estão rolando os dados
Porque o tempo, o tempo não pára

Dias sim, dias não
Eu vou sobrevivendo sem um arranhão
Da caridade de quem me detesta

A tua piscina tá cheia de ratos
Tuas idéias não correspondem aos fatos
O tempo não pára

Eu vejo o futuro repetir o passado
Eu vejo um museu de grandes novidades
O tempo não pára
Não pára, não, não pára

Eu não tenho data pra comemorar
Às vezes os meus dias são de par em par
Procurando agulha no palheiro

Nas noites de frio é melhor nem nascer
Nas de calor, se escolhe: é matar ou morrer
E assim nos tornamos brasileiros
Te chamam de ladrão, de bicha, maconheiro
Transformam o país inteiro num puteiro
Pois assim se ganha mais dinheiro

A tua piscina tá cheia de ratos
Tuas idéias não correspondem aos fatos
O tempo não pára

Eu vejo o futuro repetir o passado
Eu vejo um museu de grandes novidades
O tempo não pára
Não para, não, não para

Cazuza junto com Edson Gomes e Renato Russo são 3 cantores que sempre traziam nas suas músicas um "Q" de crítica, de discussão. Num mundo onde as "músicas" são coisas do tipo "Meu fechamento é você, mozão, eu não preciso mais beber e nem fumar maconha que a sua presença me deu onda", pensadores e bons letristas como os citados acima fazem falta (não criticando quem curte, gosto musical vai de cada um).

Isso me leva a um outro questionamento: como as próximas gerações que crescem regadas ao som de músicas completamente sem letra vão lidar com esses problemas? Beijo do Panda e até o próximo post ♥.

Download | Planner Semanal

12 de março de 2017 Nenhum comentário :

Olá pandinhas. Tudo bem com vocês? Sei que já estamos em março, mas nunca é tarde pra começar a organizar as bagunças da vida né não? Então aproveitando esse domingão e a semana que se inicia, eu trouxe para vocês dois planners semanais lindos para ajudar a organizar os compromissos e afazeres.

Como sei que nem todo mundo gosta de coisas fofinhas e coloridinhas, fiz dois modelos: um com as características citadas e outro cinza bem básico, mas adianto, os dois estão lindos de viver ♥.

O modelo cinza básico também é ideal para aquelas pessoas que amam escrever com canetas coloridas e desenhar doodles, pois como as cores são mais sérias não vai ficar tããão carnavalesco hahaha!

Modelo Coloridinho <3



Modelo cinza <3



Eles estão no tamanho A4, que é o tamanho da folha que normalmente temos em casa. Como vocês podem ver, a semana começa na segunda e os espaços dos fins de semana são menores (já que o fim de semana é basicamente dia de preguicinha, cama e Netflix hahaha).

E para decorar as opções são muitas! Você pode imprimir toda semana e escrever direto neles, pode imprimir apenas uma vez e colar post its, removendo e colando novos nas próximas semanas, pode forrar com contact e escrever com marcador de quadro branco, apagando e escrevendo novamente sempre que quiser... enfim! Pode usar e abusar! 

Mas lembrando: se você for repostar esses planners lindos não esquece de por os créditos tá? Isso ajuda bastante o blog, e sem contar que é muito feio compartilhar algo de outra pessoa como se fosse seu!

E aí? Gostou? Então agora é só baixar! Se imprimir essas fofuras marca o Panda lá no Instagram com #UmPandaDeOculos que a gente vai amar ver ♥.

Um beijo do Panda e até!


5 Curiosidades sobre o blog

11 de março de 2017 Nenhum comentário :

Olá pandinhas. Tudo bem com vocês? Esse post é mais um em comemoração ao aniversário de um ano do Panda, e pensando nisso resolvi trazer algumas curiosidades que talvez quem está chegando agora ainda não saiba.

Tá curioso(a)? Então vamos parar de conversa e partir pras curiosidades! ♥

1- Layout



Confesso que pode não ser o melhor layout do mundo, mas tenho um carinho imenso por ele ♥

Será que tem alguém que está aqui comigo desde que o nosso layout era assim? hahaha! Sim! Nem sempre o layout do nosso panda foi clean e bonito como é agora, no começo ele era assim, com fundo de rosas.

Uma curiosidade dentro da curiosidade: foi justamente o blog que me levou a pesquisar sobre como fazer layouts para blogs e descobrir que um dos meus maiores amores dentro do Design Gráfico é a parte de Web Design ♥.

2- Me inspirei em...



A minha maior inspiração pra criar um blog foi a Bruna Vieira do Depois dos Quinze. Como já contei nesse post aqui sobre as blogueiras que me inspiram, ela é uma grande inspiração e eu me identifico muito com ela, o jeito de vestir, o modo de pensar... enfim! Bruna minha musa inspiradora!! ♥

3- Sempre foi Um Panda de Óculos?



Então meus pandinhas, nem sempre o blog teve esse nome. Hahahaha!

Sim. No começo o nome do blog era algo tipo "Eu e meus desesseis", mas com o tempo eu fui vendo que esse nome não iria muito a frente e um belo dia resolvi mudar ♪♫ hahaha!

Sem contar que pesquisei bastante e vi que não é muito bom termos no nosso blog nomes que são similares a blogs já existentes, então sentei, pensei, pensei, pensei mais um pouquinho, pesquisei, estudei, e assim nasceu o Um Panda de Óculos ♥.

4- O pandinha do cabeçalho


Todo mundo que eu converso me diz que ama esse pandinha se mexendo no cabeçalho do blog, mas poucos sabem a história dele.

Estava eu com meus amigos numa Feira da Imigração Japonesa e eu encontrei um pandinha que ficava se mexendo assim, como o meu. E então alguns dias depois quando resolvi mudar totalmente o blog, eu sentei no Illustrator e depois no Photoshop e criei esse movimento no panda, que meio que virou a nossa marca registrada. Quem aí ama o Pandinha? o/

5- Saudação terráqueos...



Nem sempre a saudação dos posts foi "Olá pandinhas. Tudo bem com vocês?". Inicialmente ao invés do "pandinhas" era a palavra "pessoas". Resolvi mudar no começo desse ano por achar mais bonitinho chamar vocês de meus pandinhas ♥.

No fim a saudação nova foi aplicada também no nosso canal. O quê?! Você ainda não conhece?! Corre lá então!


Então é isso pandinhas. Essas foram as curiosidades mais interessantes que eu consegui em um ano de blog. Espero que vocês tenham gostado do post, um beijo do panda e até ♥.